sábado, 5 de novembro de 2011

“Meu português de m...”

Foi assim que Eddie Vedder pediu desculpas a nós, fãs do Pearl Jam, quando ele tentava conversar com todos nós em português, durante o segundo show da banda no Morumbi, dia 4 de novembro. Foram duas horas e quinze minutos de show e, mesmo programado para começar 15 minutos antes do divulgado, atrasou quase meia hora...meia hora que valeu a pena esperar.

Foram 30 músicas escolhidas para o set list, diferente do apresentado na noite anterior, sendo que no começo do show, o vocalista já soltou: “Como esta é a maior plateia, vamos fazer o show mais longo, ok?”. O diferença da lista de músicas do show da quinta-feira já era algo esperado por todos, já que a banda nunca repete o repertório, sempre o mudando a cada dia de apresentação.

Além de cantarem sucessos como Black, Alive, Better Man, Just Breathe, Jeremy, também apresentaram Ole, single inédito do grupo hoje formado por Stone Gossard, Jeff Ament, Mike McCready, Matt Cameron e Eddie Vedder e que completou 20 anos de carreira este ano.

Fora que também cantaram Baba O’Riley, do The Who, o que deixou a galera enlouquecida.

Quando eles cantaram Better Man, eu fiquei sem voz. Só fiquei triste que não incluíram Daugther, mas só de ter escutando eles tocando ao vivo Better Man, já tinha ficado extremamente satisfeita.

Quando o vocalista da banda resolvia falar em português, rapidinho ele pegava um papel onde tudo estava escrito e soltava algumas frases como “Vocês estão lindos essa noite”. Além de, quando foi apresentar todos os integrantes, os chamava em português de guitarrista, baterista, baixista e tecladista.

E, claro, ele não deixou de levar para o palco uma bandeira do Brasil, a deixando em seu microfone. Sensacional.

Um show que valeu muito a pena esperar, valeu muito a pena enfrentar o trânsito para ir até o Morumbi e aquela satisfação na hora de ir embora. Nunca imaginei que eu seria tão apaixonada pela banda, apesar de não conhecer tantas músicas deles, mas os maiores sucessos eu já gosto e sempre vou gostar! Agora  falta só assistir ao documentário sobre os 20 anos da banda. Logo logo eu assisto e volto aqui para contar para vocês!

Abaixo as 30 canções tocadas nesse show:

Go
Do the evolution
Severed hand
Hail hail
Got some
Elderly woman behind the counter in a small town
Given to fly
Gonna see my friend
Wishlist
Amongst waves
Setting forth
Not for you
Modern girl
Even flow
Unthought unknown
The fixer
Once
Black
Just breathe
Inside job
State of love and trust
Ole
Why go
Jeremy
Last kiss
Better man
Spin the black circle
Alive
Baba O’Riley
Yellow ledbetter


As fotos, para variar, não estão aquela coisa, porque ainda não consegui comprar uma câmera decentes, mas acho que dá pra perceber o quanto o Morumbi estava cheio (60 mil pessoas) e onde eu consegui ficar por lá.








2 comentários:

  1. Vanessa Cristina de Souza5 de novembro de 2011 20:28

    Maraisa.. deve ter sido ótimo mesmo!
    Muito bom acompanhar as notícias do mundo da música por aqui!
    Beijocas...

    ResponderExcluir
  2. Oi, Van!!
    Ai foi maravilhoso mesmo!!! Adorei!
    Obrigada pelo comentárioooo! Sempre tento escrever aqui rs!!!
    Beijosss

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...